fbpx
Pular para o conteúdo

O Ayurveda nos traz a sabedoria de que a rotina diária que adotamos pode nos ajudar muito ou nos adoecer. O tema que trata a esse respeito dentro dessa medicina ancestral é o Dinacharya. De forma ainda complementar temos Rituacharya, que faz alguns ajustes nessa rotina de acordo com as estações do ano, ou seja, considera Kala – o clima !

Na verdade, nossa conduta diária deve ponderar 3 aspectos:

  1. Os doshas e nossos agravamentos – Que são normalmente diagnosticados por um terapeuta
  2. Desha – O local em que moramos, com suas características climáticas.
  3. Kala – O clima no momento atual.

Ou seja, a mesma pessoa não deve adotar os mesmo hábitos caso ela viva em Brasília, que é extremamente seca e quente, ou em Campos do Jordão, que é húmido e frio !

Vamos fazer um breve resumo de recomendações, trazendo esse tema para a nossa realidade.

Observe que o que vamos indicar abaixo é o ideal para uma pessoa saudável, que não tenha agravamentos específicos a serem tratados. Os tratados colocam os seguintes benefícios deste estilo de vida:

  • Manutenção de uma higiene adequada
  • Promover clareza nos órgãos dos sentidos
  • Aumentar a força e a vitalidade do corpo físico
  • Otimizar a saúde física e mental
  • Promover envelhecimento saudável e longevidade
  • A manutenção de paz e da harmonia na mente
  • Auxiliar nos processos de introspecção e autoconhecimento, foco

Abaixo iremos enumerar os principais tópicos de uma rotina ayurvedica:

Sobre o horário em que devemos acordar:
Devemos acordar bem cedo, em torno de 5h da manhã, em Brahma muhurta, ou seja, literalmente no “horário do Criador”. Sendo mais preciso e exato, os textos nos pedem para acordar 48 minutos antes do nascer do sol, para que quando o sol estiver aparecendo no horizonte nós já estamos despertos, para receber a energia do novo dia. Se tudo estiver bem, e nosso organismo estiver com um bom Agni (poder digestivo, fogo da digestão), acordaremos com um pouco de fome. Brahma muhurta também é o melhor horário para que façamos a meditação e as preces diárias.

Sobre as eliminações matinais:

É muito importante que ao acordar você verifique a sua língua e a camada de saburra sobre ela. Se ela estiver branca, com uma camada espessa, então você está com muita toxina em seu organismo e seu Agni (capacidade de digestão) não está conseguindo dar conta dos alimentos ingeridos. A auto observação é um aspecto muito importante !

A primeira ação do dia é a raspagem da língua, tirando a saburra, para que você não ingira. Escovar é uma forma imprópria de limpeza, pois muitas vezes a pessoa acaba por ingerir parte desse material junto com a água. Para o Ayurveda, o raspador deve ser de ouro, prata, cobre ou aço inoxidável, os movimentos são de dentro para fora de forma suave e lenta. Esta prática auxilia a melhorar o paladar, promove limpeza da boca e elimina/reduz o mau hálito.

Recomenda-se escovar os dentes pela manhã, após a limpeza da língua, cedo e imediatamente após alimentar-se. O procedimento deve ser suave sem causar dor ou machucar as gengivas (na visão ocidental devemos também utilizar o fio dental diariamente).

Após a raspagem da língua e a escovação dos dentes, beba um copo cheio de água quente, em jejum, para auxiliar o processo de evacuação. Apenas água sem limão!!

É muito importante irmos ao banheiro pela manhã, sair de casa sem evacuar pode desenvolver um estado crônico de constipação. As fezes devem ser bem formadas e flutuar na água, o que é um sinal de que a comida foi adequadamente digerida. Se as fezes afundarem, é um sinal de má digestão. A evacuação deve ser suave, sem esforço ou dor, ficar muito tempo sentado no vaso pode predispor o indivíduo a formação de hemorroidas.

Raspador de Língua - Ayurveda - Espaço Arjuna

A limpeza dos olhos
É muito importante cuidar bem dos órgãos dos sentidos, o uso de colírio preventivo com ervas e ghee (manteiga clarificada) promove uma visão aprimorada, limpa os olhos e previne a secura e a dor ocular, gera brilho e beleza.

Gotas de óleo nas narinas
A utilização de óleo de gergelim medicado com ervas na forma de 2 gotas em cada narina é também uma recomendação importante. Como fazer: Uma colher de sopa de leite orgânico integral de vaca ou cabra, uma pitada de rapadura ou açúcar mascavo e três gotas de sumo de raiz de gengibre fresco. Misturar e filtrar, colocar 1 gota em cada narina, diariamente, pela manhã. As gotas nasais auxiliam a pele, melhoram a voz, clareiam os órgãos dos sentidos e beneficiam os cabelos.

A oleação da cavidade oral (Kavala)
Colocamos óleo de coco ou gergelim em quantidade suficiente para preencher a cavidade oral e permanecemos com o óleo na boca, forçamos o oléo contra as laterais, criando uma pequena pressão, até começarmos a lacrimejar. Esta prática fortalece a boca, alivia a secura, melhora a saúde das gengivas e elimina/reduz o mau hálito.

A auto oleação
Uma das práticas mais importantes! Principalmente para quem está agravado em Vata. Procure ter uma termocera em seu banheiro, com uma garrafa de óleo de gergelim, aqueça o óleo e passe por todo o corpo, dando especial atenção a regiões com articulações como mãos e dedos, pulsos, cotovelos, ombros, cervical, quadris, joelhos, tornozelos e pés.
Quando eventualmente estiver difícil fazer a oleação de todo o corpo, faça ao menos a Pada-Abhyanga, que é a oleação dos pés, coloque uma meia sobre o pé oleado, e durma com ela.
A oleação da pele e dos cabelos retarda o envelhecimento, alivia o cansaço, melhora a visão, otimiza o sono, fortalece o corpo e beneficia a pele.

01. Coloque um bom volume de óleo no Adipati Marma, na sua moleira, e faça movimentos com as pontas nessa região e em todo o couro cabeludo.
02. Com as palmas das mãos, massageie a testa com movimentos ascendentes.
03. Alternando as mãos, massageie a testa do centro para as laterais, contorne os olhos e vá até o nariz, repita algumas vezes o movimento.
04. Agora, iniciando pelo Stapani Marma, um pouco acima do centro das sobrancelhas, com as pontas dos dedos, contorne os olhos, vá até o nariz e volte.
05. Agora, iniciando pelo Stapani Marma, massageie com movimentos descentes em direção às bochechas e seguindo de forma ascendente pela lateral da face.
06. Com as palmas das mãos, faça movimentos circulares descendentes nas bochechas, retornando de forma ascendente para as laterais da face.
07. Com as pontas dos dedos, faça movimentos alternados do centro do queixo para as laterais.
08. Com as palmas das mãos, massageie o pescoço com movimentos alternados, suaves e descendentes.
09. Ainda com as palmas das mãos, massageie o tórax e o entorno das mamas.
10. Siga agora para o abdômen, com movimentos circulares, em sentido horário.
11. Com a mão esquerda, massageie de forma circular a escápula direita.
12. Com a mão direita, massageie de forma circular a escápula esquerda.
13. Com a palma das mãos massageie a região lombar, com movimentos circulares descendentes.
14. Faça então movimentos circulares descendentes nos glúteos e no quadril.
15. Com a mão esquerda, faça movimentos circulares descendentes no ombro direito.
16. Com a palma da mão esquerda faça movimentos descendentes de torção na extensão do braço direito e depois massageie a mão e os dedos.
17. Com a mão direita, faça movimentos circulares descendentes no ombro esquerdo.
18. Com a palma da mão direita faça movimentos descendentes de torção na extensão do braço esquerdo e depois massageie a mão e os dedos.
19. Dobre a perna, apoiando a sola do pé no chão e faça movimentos descendentes de torção, com as palmas das mãos na coxa, joelho e perna.
20. Apoie o pé na perna e massageie os pé e os dedos.
21. Repita a sequência na outra perna e pé.

Auto oleação - Ayurveda

Sobre os exercícios físicos:
É muito importante que tenhamos uma atividade física diária e regular, é como um medicamento de uso contínuo, a ser usado pelo resto da vida ! O Ayurveda recomenda a prática até que tenhamos suor na cabeça, testa, nariz e axilas. Outra orientação é exercitar-se até no máximo a metade da capacidade de cada pessoa, ou seja, se você consegue andar 10 quilômetros caminhe apenas 5 quilômetros. Nunca atinja a exaustão ou o seu limite máximo, em outras palavras: pratique exercícios com bom senso e moderação. Fazer os exercícios oleado também é uma boa prática.

Ahara – A alimentação / nutrição, segundo o Ayurveda:
A regra de ouro quanto a alimentação é muito simples: Só coma se estivar com fome.
Procure sempre por alimentos naturais, orgânicos e não transgênicos. Quanto mais você tirar os alimentos industrializados da sua vida, será melhor pra você !!
Elimine ou ao menos reduza significativamente o consumo de carnes!
Use as especiarias para melhoras o processo digestivo, procure aprender a preparar adequadamente, torrando e moendo.
Cuidado com os horários das refeições, procure não comer após o por do sol.
Use o jejum para se recuperar de eventuais abusos alimentares, um jejum de 12 ou 18 horas pode fazer muito por você, durante o jejum você pode tomar água e chás quentes, isso também ajudará muito.
Uma segunda opção para melhorar o agni e ajudar o seu sistema digestivo são as monodietas, passar todo o dia comendo apenas arroz vermelho com coentro e cominho, por exemplo.

Tratamento de Panchakarma – Ayurveda